Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Da boca das Crianças , sai a verdade!

por Rosa Guerreiro Dias, em 04.04.11
Um pai!
Não deixa de ser pai!
Só porque envelheceu!
 
O Avô e o Neto
 
Um senhor de idade foi morar com o seu filho, nora e o netinho de quatro anos de idade.
As mãos do velho eram trémulas, a sua visão embaciada e os seus passos vacilantes.
A família jantava reunida à mesa.
Mas, as mãos trémulas e a falta de visão do avô atrapalhavam-no na hora da refeição.
Ervilhas rolavam da sua colher e caíam no chão.
Quando pegava no copo, o leite era derramado na toalha da mesa.
O filho e a nora irritaram-se com a bagunça…
- "Precisamos tomar uma providência com respeito ao pai", disse o filho.
- "Já chega de leite derramado, barulho de gente a comer com a boca aberta e de comida pelo chão."
Decidiram então colocar uma pequena mesa num cantinho da cozinha.
Ali, o avô comia sozinho, enquanto o resto da família fazia as refeições à mesa, com satisfação.
Desde que o velho quebrara um ou dois pratos, a sua comida passou a ser servida numa tigela de madeira.
Quando a família olhava para o avô sentado ali sozinho, notavam-se as lágrimas nos seus olhos.
Mesmo assim, as únicas palavras que lhe dirigiam eram chamadas de atenção ásperas!
Sempre que deixava cair ao chão um talher ou pedaços de comida.
O menino de 4 anos de idade assistia a tudo em silêncio….
Uma noite, antes do jantar!
O pai percebeu que o filho pequeno estava no chão, manuseando pedaços de madeira.
Perguntou delicadamente à criança:

"O que é que fazes aí debaixo?"
E menino respondeu docemente:
- "Ah, estou a fazer uma tigela para o pai e a mãe comerem, quando eu crescer."
O garoto sorriu e voltou ao trabalho…
Aquelas palavras tiveram um impacto tão grande nos pais que acabaram por ficar absolutamente mudos por instantes.
Lágrimas começaram a escorrer dos seus olhos....comovidos.
Embora ninguém tivesse falado nada, ambos sabiam o que tinha de ser feito!
Naquela noite, o pai agarrou o avô pelas mãos e, gentilmente, conduziu-o à mesa da família.
Dali para frente e até o final de seus dias comeu todas as refeições juntamente com toda a família…
 
"De autor desconhecido"
 
Rosa Dias
4-4-2011 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:55



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D