Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




AS ROSAS DE S. TOMÉ

por Rosa Guerreiro Dias, em 09.08.08

Duas rosas, e um amor

S. Tomé quiz enviar

Que lindo buquê em flor

Para o meu lar alegrar

De mochila e riso aberto

Idealizas teu caminhar

Procurando sempre o jeito

De vires a gente abraçar

*

Abraço de pai , tem verdade

*Abraço de mãe, tem vida

 

Abraço de irmão é saudade

Abraço de tia, é guarida

 

E abraços p'rá " qui, abraços p'rá "li

E este Portugal te recebe assim

***

Sabes que sempre estarão

Abraços à tua espera

Mesmo sem rosas na mão

Chegas tu, é Primavera

***

Rosas de porcelana

Maravilha

Não há palavras

Que descrevam

Tanta beleza

E perante ela

A poesia é muda

Mas

Tem a rosa, o tom da pele

da Claudia, rosa em botão

As duas, formam um painel

Mexem com a minha emoção

*

Pega as rosas com cuidado

Vê não lhe quebres o pé

São rosas do meu agrado

Benvindas de S. Tomé

*****

Com muito amor da tia Rosa que te ama muito.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:42


5 comentários

De Cláudia Martins a 09.08.2008 às 16:43

Poesia não sei fazer
Essa arte me transcende
Minha alegria é viver
E quem vive compreende

Compreende que amar
É maior que o Universo
E viajar é olhar
Resumindo a vida em um verso

Um verso com ou sem rima
Um verso vindo da alma
Seja mãe, tia ou prima
É colo de mulher que nos acalma

A distância entre dois seres
Não afecta o sentimento
Só antecipa o momento
De ficarem junto os quereres.

De Rosa Guerreiro Dias a 09.08.2008 às 19:30

Dizes tu não seres poeta
Mas meu sentimento alerta
Me diz que estás enganada
Poesia, não é só rimar
E na palavra passar
Mensagem que está gravada

Poesia, é mais muito mais
Pode estar envolta em ais
Ou em palavras de doçura
Pode sair dum olhar
Dum gesto para ajudar
Um coração de pedra dura

Vai assim poetisando
Por todo o mundo espalhando
Esse saber que em ti desperta
Um dia, alguém vai folhear
O livro que irás deixar
Te chamarão então poeta

Tenho pena de cá não estar
P'ra te poder abraçar
E te dizer, eu não dizia
Lá bem dentro do teu ser
Irás lembrar com prazer
Palavras da tua tia

Vai querida vai em frente
e conta sempre com a gente.

Agradecida por tuas palavras que bem entendo.



De joaquim candeias a 27.09.2008 às 19:15

amiga rosa
ao "folhear" o seu blog, como prometido, em vez de uma poetiza venho encontrar duas, encantador para quem não é poeta.
"Amiga" Claudia os meus parabêns por seguir as "pesadas" de sua querida tia, sim querida porque tambem é nossa querida em Campo Maior.
beijinhos para vocês.
joaquim candeias " Zé da Àgua filho"

De Rosa Guerreiro Dias a 29.09.2008 às 10:55

Amigo, nem calcula como fiquei emocionada ao ver seu comentário.
Na verdade a minha sobrinha Cláudia escreve muito, muito bem, sei que tem muito valor, e eu sinto um grande orgulho nesta menina chamada Cláudia. Agradecida por suas palavras de incentivo, sei que são sinceras, vindas de um bom amigo.
Sei também que tenho sido muito amada e querida na terra que me viu nascer, o nosso Campo Maior, estou eternamente grata, acredite. Aqui vai um grande abraço para todo o Campo Maior, e um em especial para a família Candeias da amiga certa.
Rosa Guerreiro Dias

De Cláudia Martins a 11.10.2008 às 03:21

Agora vocês dois é que me deixaram encabulada... Agradeço as palavras, mas são amabilidade de ambos. Fico grata pelo carinho de Campo Maior, é a terra onde nasceu minha mãe, minha tia, onde passei muitos momentos felizes na infância e adolescência. O cheiro de Campo Maior é o cheiro de casa. Poucos lugares no mundo (na parte dele que conheço, rs) têm a mesma força que Campo Maior e seu povo, acreditem em mim.
Com carinho.
Cláudia.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D